Home / Blog / Estudo / Ensino a distância se torna tendência após a pandemia
ensino-a-distancia Estudo

Ensino a distância se torna tendência após a pandemia

  • Por: Equipe Educamundo
  • 03/05/2022

A pandemia de Covid-19, desde 2020, fez com que a rotina de todos se transformasse. As adaptações necessárias com a chegada da doença precisaram ser imediatas. Uma delas foi a adoção em massa do ensino a distância.

Essa nova realidade mudou o pensamento de muita gente. Segundo uma pesquisa realizada pela Toluna, grande parte dos entrevistados prefere manter hábitos adquiridos durante o isolamento social. Quando falamos sobre ensino a distância, 43% das pessoas responderam que continuariam com os cursos online.

Esse número mostra que a modalidade de EAD ganhou força e veio para ficar. Quer saber mais sobre essa tendência? Então, continue a leitura deste texto!

 

Cursos relacionados que podem te interessar:

 

Ensino a distância durante (e após) a pandemia

O ensino a distância começou a aparecer nas instituições brasileiras a partir da Lei 9.394/1996. Em 1999, o Ministério da Educação deu início ao credenciamento das faculdades nessa modalidade.

Com a evolução da tecnologia e adaptação ao EAD, os cursos online passaram a ser tendência no Brasil, tendo cada vez mais adeptos. Com o início da pandemia, o ensino a distância passou a ser essencial.

De acordo com um levantamento feito pela Associação Brasileira de Educação a Distância (ABED), houve um aumento significativo tanto da procura quanto da oferta do EAD. Os dados foram levantados entre 2020 e 2021, quando a contaminação do novo coronavírus estava no auge.

Já uma pesquisa divulgada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) traz um número histórico. Em 2020, os cursos de graduação a distância tiveram mais alunos novos do que os presenciais.

Em números, isso representa 53,4% dos quase 4 milhões de ingressantes. Os demais 46,6% escolheram cursos presenciais, ou seja, que adotaram atividades remotas de forma provisória.

Antes mesmo do anúncio da Covid-19, o ensino a distância já se tornava uma tendência. Dados do Inep mostram também que de 2009 a 2019 houve um aumento de 378,9% nas matrículas. Dessa forma, no pós-pandemia essa modalidade ganha ainda mais força.

 

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:




Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Por que você deveria iniciar um curso online hoje mesmo

Durante a pandemia, muitas pessoas perceberam que o ensino a distância proporciona inúmeras vantagens para os alunos. Assim, separamos algumas delas para você iniciar um curso online hoje mesmo.

Flexibilidade

Com rotinas tão apertadas, a flexibilidade se torna um benefício importante. É que com o ensino a distância, todo o planejamento fica disponível para você se programar. Ou seja, é possível montar seus estudos da maneira que for mais adequada ao seu dia a dia.

Economia

Outra vantagem que chama a atenção é a economia, tanto de tempo quanto de recursos. Afinal, com o ensino a distância os alunos e os professores não precisam se deslocar à instituição para estudar ou lecionar. Não podemos esquecer de dizer também que as mensalidades são mais baratas.

Desenvolvimento

Atualmente, as empresas não exigem apenas formação em áreas específicas. Elas também buscam profissionais com certas habilidades. O ensino a distância oferece cursos e possibilidade de desenvolver as chamadas soft skills. Elas são as competências de interação com outras pessoas que um profissional pode ter.

Networking

Assim como os cursos presenciais, o ensino a distância permite que os estudantes façam networking. Porém, com o EAD essa interação é ainda mais ampla. Afinal de contas, os cursos possuem alunos de vários locais do país ou mesmo do mundo. Dessa maneira, é possível construir um bom networking, tanto profissional quanto pessoal.

Reconhecimento

Diferente do que muitos pensam, o mercado de trabalho tem valorizado quem forma pelo ensino a distância. Afinal, até mesmo pela implementação do home office imposta pela pandemia, os recrutadores valorizam quem consegue se adaptar ao remoto.

Relacionamento

Muitas pessoas têm receio de começar um curso online e ter questionamentos sobre os conteúdos. Porém, o ensino a distância permite a criação dos chamados fóruns de discussão ou videoconferências. Assim, é possível que alunos registrem suas dúvidas, que podem até ser em comum, para saná-las.

Como você pôde perceber, o ensino a distância já se tornava uma tendência antes mesmo da chegada da Covid-19. Com o advento da pandemia, ele ganhou ainda mais força entre os brasileiros.

Aqui na Educamundo, oferecemos mais de 1.200 cursos online. Pagando apenas R$ 69,90, você tem acesso livre a todos eles durante um ano. Os cursos têm certificados opcionais de 5h a 420h.

Com a gente, você pode se qualificar em várias áreas, como:

Se você ainda não se convenceu de estudar a distância, veja por que deve investir em um curso online em 2022.

 

Artigos que podem te interessar:

Artigos em Destaque